Paulo Sousa volta a escorregar; Shanghai SIPG goleia em Tianjin e assume liderança

- A Super Liga Chinesa voltou à ação e, na tarde desta sexta-feira, foram disputados novos duelos respetivos à 22ª jornada da competição. Os três encontros tiveram, curiosamente, três portugueses envolvidos. Em casa, o Tianjin Quanjian de Paulo Sousa somou o nono desaire no campeonato aos pés do Dalian Yifang que hoje respira bem longe dos lugares de descida. O único golo da partida foi apontado por Li Shuai, aos 73 minutos. Foi a primeira (!) vitória fora de casa dos comandados de Bernd Schuster na temporada e a segunda derrota consecutiva do Tianjin, depois de ter perdido na primeira mão dos quartos de final da Liga dos Campeões Asiática frente ao Kashima Antlers. No duelo grande da jornada, o Guangzhou Evergrande de Fabio Cannavaro recebeu o líder Beijing Guoan de Rui Mota, adjunto de Roger Schmidt na formação da capital, e venceu pela margem mínima num encontro decidido por... Anderson Talisca, aos 90+2'. Renato Augusto (61') falhou uma grande penalidade numa partida repleta de oportunidades de golo. O Evergrande encontra-se, agora, em segundo lugar - igualdade pontual com o Beijing -, estando apenas a um ponto do líder Shanghai SIPG. O conjunto de Shanghai começou em desvantagem no embate diante do Tianjin TEDA, mas conseguiu dar a volta ao contexto e aplicar uma goleada das antigas. Johnathan (5') colocou os da casa na frente, mas Wu Lei (12') - continua numa forma espetacular - e Oscar (42') deram conta do recado ainda antes do intervalo. No segundo tempo, Hulk (60'), Elkeson (64') e de novo Oscar (76') ampliaram um resultado que, antes do apito final, foi sentenciado por Li Yuanyi (80') em 2x5.


Mais noticias :

×